Cejusc é inaugurado em Jarinu

Cejusc é inaugurado em Jarinu

No último dia 18 de janeiro, uma solenidade realizada na Câmara Municipal de Jarinu marcou a inauguração do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania – CEJUSC de Jarinu. O evento foi abrilhantado pela Filarmônica 17 de Abril e pelo Coral Canto e Riso, do Grupo Stella Bianca.

O Cejusc de Jarinu foi idealizado, implantado e será coordenado, tal qual o de Atibaia, pelo Dr. Rogério Correia Dias, Juiz de Direito da 3ª Vara Cível de Atibaia e professor de Métodos Alternativos de Solução de Conflitos – MASC's da UNIFAAT.

Cejusc é inaugurado em Jarinu

O órgão é resultado de uma parceria firmada entre o Tribunal de Justiça de São Paulo, o Município de Jarinu, o Centro Universitário UNIFAAT e Brazilian Business Park – BBP.

O principal objetivo dos Cejusc's é o "tratamento adequado do conflito" por meio da conciliação e da mediação.

Os Cejusc's atendem gratuitamente demandas das áreas cível e de família, tais como direitos do consumidor, cobranças, regulamentação ou dissolução de união estável, divórcio, partilha de bens, pensão alimentícia, guarda e regulamentação de visitas, entre outras.

A implantação do Cejusc de Jarinu oferecerá aos cidadãos daquela cidade um ambiente humanizado para solucionar conflitos de forma consensual por meio de sessões de conciliação e mediação processuais, pré-processuais, bem como atendimentos e orientações.

Segundo o Dr. Rogério Correia Dias, "para além de beneficiar toda a comunidade local, o Cejusc de Jarinu, assim como o Cejusc de Atibaia – ambos que contam com o apoio da UNIFAAT – permite a inserção dos alunos como estagiários no mundo profissional, ademais de permitir que todos os estudantes do curso de Direito possam assistir às sessões de conciliação nele diariamente realizadas".

Conclui o magistrado: "estou muito feliz com mais esta realização do Poder Judiciário juntamente com a UNIFAAT".

Cejusc é inaugurado em Jarinu

O evento contou com a presença de diversas autoridades, dentre elas, do desembargador José Carlos Ferreira Alves, do coordenador do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos – NUPEME do Tribunal de Justiça de São Paulo, que representou o presidente daquela corte na solenidade, e do juiz Ronnie Herbert Barros Soares, que representou o Vice-presidente do Tribunal.

Também participaram do evento o juiz coordenador do Cejusc de Jarinu, Rogério Correia Dias; os juízes diretores dos Fóruns de Atibaia e São Bento do Sapucaí, José Augusto Nardy Marzagão e Fábio Franco de Camargo, respectivamente; a juíza Ana Paula Schleiffer Livreri, que representou o juiz diretor do Fórum de Bragança Paulista; os juízes Adriana da Silva Frias Pereira, Carolina Cheque de Freitas, Isadora Botti Beraldo Montezano e José Augusto Reis de Toledo Leite; a prefeita de Jarinu, Eliane Lorencini Camargo; o prefeito de Atibaia, Saulo Pedroso de Souza; o presidente da Câmara Municipal de Jarinu, Carlos Rodrigo Batistel; o presidente da Câmara Municipal de Bom Jesus dos Perdões, Edson de Souza Lima; o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – 69ª Subseção de Atibaia, Élson de Araújo Capeto; o bispo Dom Paulo Perboni; o ex-secretário de Administração Penitenciária do Estado de São Paulo, Nagashi Furukawa; defensores públicos; secretários; vereadores; militares; procuradores; empresários e muitos servidores públicos.

Cejusc é inaugurado em Jarinu

 

Serviço
Cejusc de Jarinu
Endereço: Avenida da Saudade, 70 – Jardim da Saúde – Jarinu/SP
Horário de funcionamento: das 9 às 17 horas
E-mail:  cejuscjarinu@tjsp.jus.br

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp